7 CONSELHOS (QUE PARECEM ALEATÓRIOS, MAS NÃO SÃO)

7 CONSELHOS (QUE PARECEM ALEATÓRIOS, MAS NÃO SÃO)

Por Carolina Pereira (@carolinajesper)
Na página Português é Legal

1. Tenha um caderno

Pode ser uma agenda velha, um caderno com folhas que sobraram sem uso ou qualquer coisa assim. Anote as coisas importantes que você aprende. Não adianta apenas dar “like” em publicações informativas nas redes sociais, porque os conteúdos se perdem rapidamente em uma enxurrada de postagens. Tenha um espacinho seu, com sua curadoria, e guarde ali o que é importante para você. Releia o que você anotou. Isso é estudar!

2. Anote as suas dúvidas

Como você vai aprender algo se não se der conta de que não sabe? Anote suas dúvidas, pesquise, fale com um professor, tire dúvidas em algum curso (pode ser o nosso, o de outro professor que você prefira, algum presencial na sua cidade etc.), enfim, identifique suas dúvidas como um primeiro passo para saná-las.

3. Leia Machado de Assis

Se você nunca leu, leia. Se você já leu, releia. Os motivos são inúmeros, mas vou ressaltar alguns: entretenimento (sim, sim, sim), fruição literária, reflexões críticas, expansão de repertório etc. Talvez a leitura seja uma “luta” no início, mas garanto que vale a pena encarar. Se está sem fôlego para leitura e perdeu o hábito, leia contos. Mas leia; não abra mão de conhecer essas obras.

4. Estude outra língua

Várias pessoas sofrem com a língua portuguesa por acharem que ela é errada, difícil, defeituosa, ilógica etc. Estudar outra(s) língua(s) ajuda a perceber características que são inerentes a línguas em geral e nos faz olhar de outra maneira para nosso idioma. A ideia de criar o “Português é legal” só surgiu para mim depois de ter aprendido inglês e francês, pois eu passei a entender e admirar características da nossa língua que, antes, passavam despercebidas. “É necessário sair da ilha para ver a ilha”.

Para ler os conselhos de 5 a 7, ir ao texto original, clicando aqui.

Publicidade

Sobre Ani

Outros que contem passo por passo | Eu morro ontem | Nasço amanhã | Ando onde há espaço: | – Meu tempo é quando. ~Vinicius de Moraes~
Esse post foi publicado em Textos instigantes e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s