Biomassa de banana verde



No Gauchazh, 26/12/2015

Conheça os benefícios e aprenda a preparar a biomassa de banana verde

Ingrediente é versátil e pode ser utilizado em pratos doces e salgados

Um ingrediente curinga, que pode ser usado em pratos doces ou salgados, repleto de benefícios para o organismo e amigo de quem precisa controlar o peso. Essas são algumas características da biomassa de banana verde, preparação que resulta do cozimento da polpa da fruta ainda madura.

Descoberta pela paulista Heloisa de Freitas Valle, ex-produtora de banana, a biomassa melhora a imunidade, ajuda a flora intestinal e diminui o risco de diabetes e o colesterol. O alimento é rico em amido resistente, uma fibra solúvel que, quando diluída em água, serve de alimento para as bactérias benéficas do intestino.

– Hoje, a maior parte da alimentação é industrializada, e isso agride a mucosa intestinal. Essas fibras vão alimentar as bactérias benéficas e promover a renovação celular – explica a nutricionista Letícia Jaques.

A melhora na flora intestinal reflete diretamente na absorção de nutrientes.

– Ir ao banheiro normalmente não é a única indicação de que a função intestinal está em dia. A função do intestino é absorver os nutrientes dos alimentos, e a biomassa de banana verde é uma aliada desse processo – completa Letícia.

Excesso pode causar intoxicação

O amido resistente da biomassa tem esse nome pois resiste à digestão e é fermentado no intestino grosso, onde é utilizado pelas bactérias como alimento. Sua atuação auxilia na redução do colesterol.

– É um nutriente importante que aumenta a saciedade – garante a nutricionista Graziela Kollet, acrescentando que esse ponto é fundamental no auxílio da perda de peso.

Outro aspecto positivo dessas fibras, segundo Graziela, é que elas ajudam a evitar os picos de glicemia. Como consequência, previnem o diabetes do tipo 2.

Apesar de tantos benefícios, é recomendado que ela seja consumida com moderação. Letícia indica a ingestão de duas colheres de sopa ao dia.

– Uma quantidade grande pode provocar até intoxicação, sobrecarregando as células intestinais. Em decorrência disso, pode-se ter diarreia – afirma.

Como fazer

– Escolha bananas verdes que não estejam refrigeradas – o amido resistente só é ativado no calor.
– Retire as frutas do cacho sem deixar a polpa exposta
– Mantenha a casca, lave bem e coloque-as em uma panela de pressão com água.
– Quando a pressão iniciar, deixe cozinhar por 10 minutos e desligue o fogo. Aguarde sair a pressão e abra a panela.
– Descasque a fruta, bata a polpa no liquidificador e vá acrescentando água aos poucos até formar um purê. Bata com calma e vá mexendo com uma colher para não danificar o aparelho.
– Coloque o purê em um recipiente de vidro e guarde na geladeira por até uma semana ou no freezer por até quatro meses.

Como usar

A preparação fica parecida com um purê e não tem gosto, o que possibilita seu uso em receitas doces ou salgadas para conferir cremosidade. Pode ser usada em substituição ao creme de leite, por exemplo. Uma colher de sopa de biomassa tem, aproximadamente, 15 calorias.

Por que a banana precisa estar verde?
De acordo com a nutricionista Letícia Jaques, quanto mais verde, mais rica em fibras ela é. Quando amadurece, esse elemento é transformado em açúcar.

Dica

Congele a biomassa em uma forma de gelo e acrescente um cubo no seu suco de preferência.

———————————————–

Forma de preparo mais bem detalhada, no Tudo Gostoso.
Receita enviada por VERUSCA

INGREDIENTES

1 dúzia de bananas nanica ou prata extremamente verdes e duras

MODO DE PREPARO

1. Separe as bananas e mantenha os talos.

2. Higienize as bananas.

3. Em uma panela de pressão ferva a água.

4. Assim que levantar fervura, adicione as bananas verdes, com casca.

5. Se sua panela de pressão for de 4,5 litros faça metade de cada vez.

6. A água deve estar fervendo para que haja o “choque térmico”.

7. Tampe a panela e deixe em fogo alto até começar a pressão. Assim que a pressão iniciar, diminua o fogo e conte 8 minutos.

8. Desligue e retire a pressão.

9. Quando a pressão sair por completo, retire as bananas uma a uma e em seguida com a ajuda de um garfo e uma faca, tire as cascas de cada banana quente.

10. Coloque em um liquidificador ou processador e bata (as bananas não podem esfriar), a massa (biomassa) fica espessa.

11. Se optar por liquidificador bata 3 bananas por vez para não forçar o motor.

12. A biomassa pode ser conservada na geladeira por até 4 dias em potes higienizados.

13. Se preferir congelar, assim que bater as bananas coloque-as em forminhas de gelo e deixe no freezer, assim que congelar transfira para um pote hermético os cubinhos de biomassa e mantenha em freezer por até 4 meses.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

O consumo recomendado de biomassa é de 1 a 2 colheres de sopa ao dia. Como a Biomassa de Banana Verde não possui sabor residual, pode substituir a farinha, pode ser adicionada a sopas, feijão, hambúrguer, bolos, pães, patês, sucos, vitaminas, doces.Uma das qualidades da biomassa é a sua alta quantidade de um tipo de fibra chamado Amido Resiste, que nosso corpo não consegue digerir e é fermentado por nossas bactérias intestinais. Os subprodutos dessa fermentação ajudam no controle da glicemia, do colesterol e em especial na saúde intestinal!

Tempo de preparo
40 MIN
Rendimento
36 PORÇÕES

———————–

No Panelinha Saudável, também receita, com dicas adicionais.

Sobre Ani

Outros que contem passo por passo | Eu morro ontem | Nasço amanhã | Ando onde há espaço: | – Meu tempo é quando. ~Vinicius de Moraes~
Esse post foi publicado em Pé na cozinha, Saúde e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s