okê okê okê okê okê okê


já sei que querem a minha opinião
um papo reto sobre o que eu pensei
como interpreto a tal, a vil situação
penúria
fúria
clamor
desencanto
substantivos duros de roer
enquanto os ratos roem o poder
os corações da multidão aos prantos

alguns sugerem que eu saia no grito
outros, que eu me quede quieto e mudo
e eis que alguém me pede: “encarne o mito,
seja nosso herói, resolva tudo”

sei que não dei nenhuma opinião
é que eu pensei, pensei, pensei, pensei
palavras dizem sim
os fatos dizem não





não dar tanta importância
ao valor que os outros possam dar a você
a suas palavra ou a seus atos

não é uma perda de responsabilidade
mas é uma perda de amarras à aprovação

o artista tem que estar ACIMA do muro

okê arô, Caetano de Oxóssi


Sobre Ani

Outros que contem passo por passo | Eu morro ontem | Nasço amanhã | Ando onde há espaço: | – Meu tempo é quando. ~Vinicius de Moraes~
Esse post foi publicado em Entrevistas, Gente admirada e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s