A whiter shade of pale

São 1.035 gravações diferentes até 6 de dezembro de 2011, dizem uns doidos que resolveram colecionar todas as versões e disponibilizar a informação nesta página.

“A Whiter Shade of Pale” veio a público em 1967. Eu ainda não tinha nascido. Devo ter lembrança dela desde pelo menos uns 6 anos de idade, mas é uma lembrança difusa, talvez ouvisse no rádio de quando em quando, não sei, mas durante toda a vida, cada vez que escuto acontece um tipo de “suspensão” em que toda a atenção se concentra para ouvir (inexplicável nunca ter pensado em comprar alguma gravação dela até uns 3 anos atrás). Essa hipnose que vem desde a infância não tem, portanto, absolutamente nada a ver com o significado da letra (não descarto que a sonoridade da letra contribua), nem com alguma racionalização de outro tipo. Talvez seja isso o que uma vez li que Charles Pearson chamou de firthness, um tipo de nível do “sentido” que é puramente sensório-emocional, do qual a música deve ser um dos melhores exemplos. Ou pode ter havido alguma associação de infância que ficou inconsciente. Enfim, ainda não sou capaz de explicar o fascínio por essa canção. A gravação original do Procol Harum é minha favorita entre as que já ouvi. Ao menos consola ver, pela quantidade de gente que a incluiu no repertório, que o deslumbramento não é só meu. E me dou conta de que não lembro de conhecer mais nada do Procol Harum. Estranho.

PS: Dois posts sobre a canção:

Whiter Shade of Pale (Este vincula o arranjo de órgão da canção a “Air” de Bach. Nunca havia me dado conta, mas, nossa, pode ser mesmo.)

A polêmica e misteriosa letra de “A Whiter Shade of Pale”

Procol Harum (1967)
Procol Harum ao vivo
Joe Cocker
Joe Cocker ao vivo
Eric Clapton
Willie Nelson
Johnny Rivers
Annie Lennox
King Curtis
Marc Bonilla
Bonnie Tyler
Gov’t Mule


Acrescentado ao post em 03/02/2015:

The origin and history of A Whiter Shade of Pale

Sobre Ani

Outros que contem passo por passo | Eu morro ontem | Nasço amanhã | Ando onde há espaço: | – Meu tempo é quando. ~Vinicius de Moraes~
Esse post foi publicado em Música, Memórias sonhos reflexões, TV Mofo e marcado , . Guardar link permanente.

6 respostas para A whiter shade of pale

  1. Érika Aparecida da Silva disse:

    Com relação a música A Whiter Shade of Pale, desde a primeira vez que a ouvi quando criança até agora, começo a ter um sentimento forte de algo que não consigo me lembrar, mas que só minha alma se lembra. É um sentimento único que nenhuma outra música provoca. Essa música tem algo muito especial mesmo e deve ter sido criada nos planos espirituais, mas para que, eu não sei.

    • Ani disse:

      Érika, para mim faz sentido. Há muitos anos me botaram para fazer uma meditação que era para ter um vislumbre da “Jerusalém celeste”. Não tive nenhuma imagem, exceto uma difusa “imagem auditiva”, que parecia com o som de um solo de guitarra. Ri por dentro: dizem que os anjos tocam harpa e eu achava que tocassem piano, mas na verdade eles tocam guitarra elétrica. Talvez essa introdução do Procol Harum em “A whiter shade of pale” tenha vindo diretamente de algum anjo: eles também tocam órgão elétrico e bateria?🙂 Bj.

    • Albert disse:

      Hola Érika,
      Estoy de acuerdo contigo, esta musica es maravillosa, y nos conduce a una conección interior, a un mundo diferente, nos conecta con el alma, pero alli existe muchos misterios, misterios que no podemos entender.La letra de es musica quiere decirnos algo, algo que talvez va a pasar, que es?..que nos depara el futuro como seres humanos?.Interesante.

  2. Érika Aparecida da Silva disse:

    Olá Ani! Obrigada pela resposta! Eu não duvido nem um pouco de que anjos possam tocar instrumentos eletrônicos, visto que se nós possuímos tecnologia, esses seres de luz podem muito bem ter tecnologia muito superior a nossa, a engenharia deles é mais antiga, lógico. Podem até ser seres que já passaram pela Terra e estão em outro plano de evolução, mas nós os chamamos de anjos. Acredito que toda Arte venha de planos ascensionados, ou seja, superiores ao nosso em termos espirituais. Então, pra mim, todos os grandes artista são “inspirados” por seres e energias de planos superiores para trazerem ao nosso mundo algo já criado num outro plano mais antigo, e o que tais artistas tem de diferente é essa sensibilidade, esse sexto sentido de captar algo belíssimo, traduzir do seu modo com sua vocação e liberar para nós uma “pontinha” da arte que já existe lá e que provavelmente é mais intensa e mais forte lá. Agora, com relação a esta música, realmente a introdução parece ter um toque angelical e cada pessoa que escuta tem sua própria experiência emocional em relação a ela. No meu caso, eu sentia uma triste saudade de algo que já passou, mas eu não me lembrava o que era, só sabia que era algo que aconteceu antes de eu nascer, isso aconteceu quando eu era criança. Depois quando fiquei mais velha, comecei a ouvir a música novamente e acabei tendo uma visão muito rápida de uma bailarina sublime e delicada vestida de branco pintada num quadro antigo me olhando, e ao fixar os olhos nessa “visão”, eu pude perceber que essa bailarina era eu mesma, numa outra vida. E como tem muita gente que diz sentir algo diferente quando ouve essa música, creio que tal música tem a capacidade de fazer as pessoas mais sensíveis se conectar com outros planos astrais. Abraços.

  3. joao carlos dos santos disse:

    As melodias vem e vão, porem esta veio e nunca mais se foi, Realmente acredito ser uma inspiração divina que nasceu para nos alertar de algo que esta por vir, não sei, Desde que me conheço, musicalmente falando, esta canção vive impregnada em meu cérebro que infalivelmente como se em transe sempre acabo cantando-a em minhas apresentações mesmo que não esteja em meu repertorio, Uma verdadeira obsessão pela melodia.

  4. Albert disse:

    Acabe de escuchar esta musica recientemente, y puedo afirmar que esta musica, la melodia, la letra hace que uno se conecte a un mundo paralelo, sin embargo intentar entender seria dificil, es algo del mas alla..simplemente un misterio.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s